Casal de missionários morre com 15 minutos de diferença

 Casal de missionários morre com 15 minutos de diferença

Foto: Sarah Milewski

Casados há quase 70 anos, o casal de missionários Bill e Esther Ilnisky morreram em um hospital da Flórida, nos EUA, onde moravam

O casal de missionários Bill Ilnisky, 88, e Esther Ilnisky, 92, morreu de covid-19 no início de março, com poucos minutos de diferença. Eles estavam casados há quase 70 anos e atualmente moravam na Flórida, EUA. Os dois foram missionários no Oriente Médio e no Caribe.

“É tão precioso, tão maravilhoso, um sentimento tão reconfortante saber que eles foram juntos. Eles estavam sempre, sempre juntos. Tão em sincronia. Eu sinto falta deles”, disse a única filha do casal, Sarah Milewski.

Bill e Esther foram diagnosticados com Covid-19 em fevereiro e precisaram ser internados. O casal se conheceu no Mississipi, EUA. Bill estudava numa escola da Igreja Assembleia de Deus, em Springfield, e pregava nas igrejas e precisava de um pianista. E foi justamente a Esther, a futura esposa, a pianista que foi lhe ajudar.

Uma vida dedicada a missões

O casal implantou igrejas não só nos EUA, mas em diversos países. Em 1962, eles adotaram Sarah, com 2 anos, e a família se mudou para o Líbano. Lá Bill trabalhou com estudantes universitários e Esther formou uma banda de rock cristão. Em 1975, os  ficaram presos em meio à guerra civil que eclodiu no país e precisaram fugir para os EUA em 1976.

Então, Bill foi consagrado pastor na Igreja Calvary Temple em West Palm Beach, Flórida. E sua esposa fundou o Esther Network Internacional, um ministério para ensinar crianças a orar. Bill estava aposentado do ministério há 3 anos e Esther continuava trabalhando pelo zoom durante a pandemia.

*Com informações de Christian Headlines 

redação

redação

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *